Post Page Advertisement [Top]

Portal Educação

A Lua

















Nesta fase, não conseguimos observar a Lua pois ela está posicionada entre o Sol e a Terra e, por isso, não a vemos neste momento. Nesta fase, a Lua está no céu durante o dia, nascendo por volta das 6 horas e se pondo por volta das 18 horas.

A temperatura na sua superfície varia, em média, de 100ºC a -150ºC. Todas essas condições não permitem a existência de seres vivos na Lua. O observador terrestre percebe o movimento aparente da Lua e dos demais astros visíveis no céu à noite no sentido leste para oeste.

O brilho da Lua é reflexo da luz do Sol. Da mesma forma que os planetas, ela não tem luz própria. O observador terrestre vê partes diferentes da Lua iluminadas pelo Sol, enquanto ela se movimenta ao redor da Terra. Esses diferentes aspectos, denominados fases da Lua, são: Lua Nova, Quarto Crescente, Lua Cheia e Quarto Minguante

Nesta fase, não conseguimos observar a Lua pois ela está posicionada entre o Sol e a Terra e, por isso, não a vemos neste momento. Nesta fase, a Lua está no céu durante o dia, nascendo por volta das 6 horas e se pondo por volta das 18 horas.

Passada a fase nova, a lua começa a crescer, ou seja, cerca de ¼ dela fica iluminada. Com isso, uma parte fica aparente porque recebe a luz do sol.

A lua dos apaixonados chega quando a sombra da Terra sai da sua direção, permitindo a iluminação por completo. Torna-se visível a estética arredondada.

Diferente da lua cheia, a fase minguante é o momento em que o satélite natural começa a escurecer novamente. A Terra passa a receber grandes incidências de luz solar, projetando sua sombra em direção à lua. O ciclo de lunação é constante, mas ao final de todos os períodos a lua fica totalmente escura. Os novos efeitos aparecem quando os três elementos principais (lua, Terra e sol) se alinham. No momento em que ficam na mesma linha de órbita, acontece o eclipse solar e lunar, além da supérflua.

A lua, em sua relação com a Terra e sol, frequentemente surpreende as pessoas. As mudanças de coloração ou tamanho acontece de forma sutil, rápida e, para muitos, encantadora.

Efeito causado pela proximidade entre a Terra e lua. A sensação é de que o satélite dobrou de tamanho, mas, na verdade, é apenas a forma como é vista (mais de perto). É um evento simples e comum, e não tem a necessidade de equipamentos para prestigiá-lo. O melhor horário de visualização é por voltas das 22h, o ápice da proximidade.

Ao contrário da super lua, os eclipses não acontecem com tanta facilidade, e quando ocorrem precisam de equipamentos específicos para serem vistos com mais qualidade. Os eclipses solares ocorrem no período de alinhamento entre a lua, Terra e sol. Esse tipo de fenômeno é raro e visível perto de oceanos, mas de acordo com uma posição exata. Por isso, nem todos os planetas reproduzem uma eclipse do sol. Já os lunares, que é são mais recorrentes, acontecem quando a lua fica completamente tomada pela sombra da Terra.

A Lua é o satélite natural do planeta Terra, distanciados por aproximadamente 384.405 km. Estima-se que exista um número superior a 150 Luas no Sistema Solar, somente Netuno possui treze; Saturno, quarenta e oito; e Júpiter, sessenta e duas. A maior Lua do Sistema Solar é Titãs, seu tamanho é duas vezes superior ao da lua terráquea. A nossa Lua é o único corpo celeste a receber seres humanos. O seu diâmetro é de aproximadamente 3.500 km, por essa razão seu tamanho é 80 vezes inferior ao do planeta Terra. Ao longo da superfície lunar não são identificados gases, como nitrogênio, oxigênio ou mesmo água.


Deixe sua Sugestão para os Próximos Slides Aqui nos Comentários 👇👇👇👇👇👇👇👇

 

 

Lua Nova Quarto Crescente Lua Cheia Quarto Minguante Super Lua eclipses


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!

Bottom Ad [Post Page]